O curso propõe-se analisar o debate político exposto no romance Marco Zero de Oswald de Andrade (obra em dois volumes – A revolução melancólica [1943] e Chão [1945]), contextualizando-o no panorama das interpretações do Brasil da época de seu lançamento. Apresentado pelo próprio autor como um “romance mural”, como uma série de recortes da sociedade brasileira, Marco Zero enceta um “verdadeiro comício de idéias” (como observou Mário da Silva Brito) com amplas possibilidades de estudo. A análise de Marco Zero que se pretende desenvolver terá por base algumas contribuições da área do pensamento social brasileiro e será norteada pelo debate sobre as possibilidades emancipatórias da vida cotidiana.

Objetivos

– contextualizar a obra na produção de Oswald e no panorama literário daquela época, inclusive quanto às interpretações do Brasil;

– evidenciar o tratamento dado à vida cotidiana e à ação política na trama literária;

–  delinear o debate de Oswald com os pensadores sociais brasileiros da época;

– suscitar possíveis contribuições da obra às leituras da realidade social contemporânea.

Público 

O curso não exige nenhuma formação específica prévia, sendo aberto a qualquer interessada(o).

Bibliografia básica 

ANDRADE, Oswald. Marco Zero I – A revolução melancólica. 2.ed. Rio de Janeiro: Ed. Civilização Brasileira, 1978. [atualmente editada pela Ed. Globo]

ANDRADE, Oswald. Marco Zero II – Chão. 2.ed. Rio de Janeiro: Ed. Civilização Brasileira, 1978. [atualmente editada pela Ed. Globo]

LEFEBVRE, Henri. A vida cotidiana no mundo moderno. (Trad. de Alcides João de Barros). São Paulo: Ática, 1991.

(Serão indicadas obras complementares durante o curso)

oswald di cavalcanti curso marechal

Hermes da Fonseca, pesquisador e professor universitário com atuação em São Paulo, tem mestrado em Filosofia do Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e graduação em Direito pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Desenvolveu trabalhos usando os conteúdos da obra de Oswald de Andrade para uma leitura antropofágica do direito (“Direito sonâmbulo: possibilidades emancipatórias do jurídico insurgente do cotidiano”), além de pesquisas sobre cotidiano e política, como um estudo sobre a Vila Gosuen, bairro periférico de Franca, para analisar criticamente as representações sociais da justiça estatal.

https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/90812

http://lattes.cnpq.br/9447696807845526

imagem: Oswald por Di Cavalcanti

ENCONTROS

Terças-feiras, das 19 às 21h

18/04/17: Oswald de Andrade – vida e obra. Marco Zero no contexto da obra oswaldiana.

25/04/17: Vida cotidiana e debate político em Marco Zero. Conceito de vida cotidiana e sua importância como categoria de análise sociológica.

02/05/17: Oswald, intérprete do Brasil – consensos e dissensos com os pensadores sociais da época.

09/05/17: O entrave político de Marco Zero na sociabilidade brasileira contemporânea – leituras possíveis.

INSCRIÇÕES 

R$ 200,00
As atividades da Associação Carcará são autogestionadas. O valor das inscrições remunera os profissionais envolvidos e subsidia a manutenção das atividades gratuitas oferecidas pela entidade.

15 VAGAS 

Garanta sua inscrição preenchendo o formulário abaixo (inscrição por depósito bancário). Serão emitidos certificados de participação.

LOCAL

LopLop livros & edições

Av. Prof. Alfonso Bovero, n. 1119, sobreloja, Sumaré. São Paulo – SP

(Veja no Mapa)

LopLop (2)
LopLop é uma livraria e espaço cultural no bairro da Vila Pompeia. Possui um catálogo especial voltado para as artes, filosofia, política e edições latino-americanas, além de ser um laboratório de experimentações nas áreas da edição e do design. Talvez o único local do país com acervo detalhado sobre o movimento surrealista brasileiro.

Inscritos têm 10% de desconto em todo o catálogo durante o curso.

INSCREVA-SE

Informar no tópico "mensagem" o curso de seu interesse.